0

O sonho de trabalhar a vida inteira para se aposentar nem sempre é uma realidade para as pessoas que chegam na terceira idade. Isso porque, muitas vezes, depois de parar de trabalhar, o idoso sente falta daquela ocupação, já que passa a ter muito mais tempo livre do que costumava ter, de forma que a alternativa para evitar e fugir desse “tédio” pode ser, para muitos, voltar ao mercado de trabalho. 

É importante ressaltar que existem ainda outras realidades, como aqueles que se aposentam e nunca param de trabalhar (seja pelo amor ao que faz ou por conta do salário) ou aqueles que não têm a opção de parar, uma vez que sua renda é fundamental para o sustento da família.

Por que os idosos estão voltando ou não querem deixar o mercado de trabalho?

Entender que o trabalho na terceira idade é um benefício para os dois lados é fundamental para a popularização desta prática. As empresas precisam entender o real benefício e ir além das cotas. A contratação por conta do benefício é o ponto de partida para conseguirmos fazer, de fato, a diferença na vida dessas pessoas.

Mas se as pessoas têm a possibilidade de parar de trabalhar ao se aposentarem, o que pode motivá-las a optar por continuar trabalhando?

Salário de aposentadoria baixo

Muitas vezes ao se aposentar a pessoa ganha um salário muito abaixo do que ganhava antes de parar de trabalhar. Por conta disso, decide continuar trabalhando, ou para manter o padrão de vida, ou para conseguir pagar as contas da família (o que acontece quando a renda do trabalho do idoso é o único ou o principal ganho da família).

Necessidade de ajudar filhos e netos

Existem casos de que o idoso não precisaria mais trabalhar. Porém, os filhos e os netos voltam a ser dependentes dele. Neste caso, decidem voltar ao mercado de trabalho para poder complementar a renda dos familiares.

Amor pelo trabalho exercido ao longo da vida

Algumas vezes a pessoa ama tanto o trabalho que exerceu durante a vida que não consegue se imaginar sem. Por isso, decide que permanecerá trabalhando, mesmo quando já estiver aposentado.

Interação social

O trabalho pode ser, além de o lugar para ganhar o sustento, um espaço de socialização e diversão. Esse é um dos motivos por as pessoas não quererem se ausentar destes espaços e decidir continuar trabalhando.

Satisfação gerada

Quem não gosta de fazer um trabalho bem feito e sentir orgulho dele? A satisfação gerada pelo trabalho pode ser um dos estimulantes para os aposentados continuarem no mercado de trabalho por muito mais tempo.

Benefícios do trabalho na terceira idade 

Com o aumento da expectativa de vida no Brasil e o envelhecimento da população cada vez mais saudável (o que justifica a expectativa de termos, daqui alguns anos, mais idosos do que jovens no país), a terceira idade, que antes era sinônimo de ter tempo para descansar e aproveitar o tempo livre, hoje tem tudo a ver com muitas atividades e presença ativa, inclusive, no mercado de trabalho.

Por conta disso, algumas organizações já estão de olho nas tendências para os próximos anos e já reconhecem a força que esse público representa nas empresas, pois além da diversificação do quadro de colaboradores – que permite uma troca de experiência e inovação dentro da empresa – apostar em uma pessoa mais velha e mais experiente representa uma oportunidade de negócio para quem quer conquistar novos espaços no mercado de trabalho.

A longevidade produtiva já é uma realidade no nosso país, basta sabermos como aproveitar esses talentos. Além disso, é fundamental que as famílias apoiem os idosos que decidirem que querem continuar trabalhando. Porém, é importante levar em consideração as limitações de cada um, para que o trabalho não vire um problema ao invés de uma coisa benéfica.

Para quem está considerando essa opção, separamos alguns benefícios do trabalho na terceira idade:

  • melhora do relacionamento interpessoal
  • mais facilidade de manter a rotina 
  • sentimento de maior propósito 
  • melhora cognitiva 
  • ajuda a trabalhar a concentração
  • melhora da autoestima

Essa realidade já começa a se tornar mais frequente no Brasil e no mundo. Além dos benefícios para o idoso que volta ao mercado de trabalho e sente-se mais confiante ao realizar suas tarefas com maior autonomia, outras partes saem ganhando com esse novo colaborador. As organizações podem contar com inúmeros benefícios ao contratar um funcionário mais velho.Confira abaixo alguns:

Maturidade e responsabilidade

As pessoas mais velhas costumam ter mais experiências, tanto de vida como no mercado de trabalho. Isso possibilita que eles lidem melhor com a pressão e os problemas do dia a dia. Além disso, costumam ser mais responsáveis, entendendo seu papel para os negócios da companhia, reduzindo as chances de deixar a empresa na mão.

Disponibilidade

Imprevistos acontecem e nós temos que aprender a lidar com eles. Para isso é fundamental que a empresa possa contar com o colaborador nos momentos de necessidades (mesmo que eles sejam fora do horário contratado, por exemplo). Os idosos costumam entender essa importância e, normalmente, estão mais à disposição da empresa.

Qualificação

Por normalmente ter mais tempo de experiência no mercado de trabalho, as pessoas da terceira idade costumam ser mais qualificadas, trazendo uma inteligência mais técnica e sênior para o negócio.

Para aqueles que têm vontade, não faltam motivos continuar trabalhando. Afinal, além da ajuda financeira, os benefícios pessoais são inúmeros. Para os familiares, é importante apoiar e recomendar o envelhecimento ativo e saudável, que deve se iniciar muito antes de chegar, de fato, na terceira idade.

As empresas e organizações já reconhece e estão cada vez mais ciente da importância e a força que este mercado tem, sempre buscando novas soluções e estratégias para melhorar a qualidade de vida e otimizar o tempo e produtividade pessoal. É o caso das empresas focadas nesse público, que apostam e aceleram negócios criados por idosos. 

Gostou de saber mais sobre como os idosos estão cada vez atentos às oportunidades de trabalho e as empresas estão buscando esses talentos? Quer saber mais sobre a realidade do idoso no Brasil e o que será tendência nos próximos anos? Fique ligado aqui no nosso Blog que trazemos sempre o que há de mais atual no setor.

 

Gostou do Blog? Deixe uma uma resposta

Está de saída?

Assine nossa newsletter
e seja o primeiro a saber
sobre nossos blogs e
outras novidades.
inscrever-se
close-link
WhatsApp Logo